© 2018 por Igreja Geração Profética.

 

Rua Izaura Cunha, 12, St. Morada do Sol, Rio Verde, GO

contato@geracaoprofetica.com

WhatsApp 064 98128-6182

Pai Nosso | 04 de 07

Hoje é o quarto dia de nossa reflexão sobre a oração do PAI NOSSO. Se você não leu os anteriores clique nas imagens abaixo:

 

Mateus 6.12 – 12 E perdoa-nos as nossas dívidas, assim como nós temos perdoado aos nossos devedores”

Um dos principais temas abordados por Jesus Cristo em suas ministrações foi o perdão. Isso nos revela a importância de tratar este assunto. A palavra “perdão” significa limpar a conta; cancelar a dívida.

O perdão pode ser analisado em duas vertentes: vertical (Deus para com as pessoas) e horizontal (uns aos outros).

A) Deus para com as pessoas – “E perdoa-nos as nossas dívidas”


Romanos 3.23 – 23 Pois todos pecaram e carecem da glória de Deus”.


A Bíblia nos revela que todos nós necessitamos do perdão de Deus. Todos nós cometemos atos de injustiça e pecado. Por isso, carecemos desesperadamente do perdão de Deus. Se nossos pecados não forem perdoados, passaremos a eternidade sofrendo as consequências de nossos pecados.

Porém, a verdade é que não merecemos o perdão de Deus. Não podemos pagar pelo perdão de nossos pecados contra Deus. Mas podemos recebê-lo, através da fé, por meio da graça e da misericórdia de Deus.


1 João 1.9 – 9 Se confessarmos os nossos pecados, ele é fiel e justo para nos perdoar os pecados e nos purificar de toda injustiça”. 

Contudo existe uma condição para recebermos o perdão de Deus: perdoar uns aos outros.

B) Uns aos outros – “Assim como nós temos perdoado aos nossos devedores”
 

Perdão não é oferecido quando alguém merece ser perdoado. Ninguém merece ser perdoado. Perdão é um ato de amor, misericórdia e graça. Perdão é uma decisão e não um sentimento. Você nunca irá sentir que deve perdoar alguém, você tem que decidir perdoar. Entendeu?!

É tão importante o tema perdão na Bíblia, que a única parte da oração do PAI NOSSO que Jesus se dispõe a explicar é sobre o perdão. Jesus não explica sobre nenhuma outra parte, mas sobre o perdão ele insiste:


Mateus 6.14-15 –14 Porque, se perdoardes aos homens as suas ofensas, também vosso Pai celeste vos perdoará; 15 se, porém, não perdoardes aos homens as suas ofensas, tampouco vosso Pai vos perdoará as vossas ofensas”.

Observe atentamente que segundo Jesus as pessoas que rejeitam o ato de perdoar ainda não experimentaram, elas mesmas, o perdão de Deus e nunca experimentarão. A verdade é que nos dois versículos acima devemos perdoar aos outros, como Deus nos perdoou. Por que perdoamos? Porque já fomos perdoados!

Colossenses 3.13 –13 Suportai-vos uns aos outros, perdoai-vos mutuamente, caso alguém tenha motivo de queixa contra outrem. Assim como o Senhor vos perdoou, assim também perdoai vós”.

Sem perdoar as pessoas, jamais receberemos o perdão de Deus. Sem perdão, sem salvação. Por isso o diabo endurece tanto o coração das pessoas, porque se não perdoarmos, não seremos perdoados por Deus e nunca seremos salvos.

Para finalizarmos, certa vez Jesus foi questionado por Pedro sobre quantas vezes devemos perdoar uns aos outros e “Respondeu-lhe Jesus: Não te digo que até sete vezes, mas até setenta vezes sete” - (Mateus 18.22). 70 x 7 é igual a perdoar em tudo e a todos, perdoe sempre. O perdão não faz a outra pessoa correta, ele te faz livre. 70 x 7 = GRAÇA!

#GeraçãoProfética #70x7 #CompartilhePerdão

 

NÃO PERCA OS PRÓXIMOS! Se você foi tocado por Deus, compartilhe com seus amigos também.​

Compartilhe
Compartilhe
Please reload

Destaques

Ajude na construção deste projeto

1/10
Please reload

Recentes

01/12/2017

Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Please reload

Siga
  • Facebook Basic Square
  • YouTube Social  Icon